sexta-feira, 19 de fevereiro de 2016

Duas Alternativas – Amália D. Doler

São duas as alternativas do homem: ódio, que significa morte, e amor, que representa vida.
O ódio acorrenta à loucura e escraviza, enquanto que o amor cura e liberta.
O ódio avilta; o amor dignifica.
O ódio mata; o amor salva.
O ódio degrada; o amor eleva.
O ódio é herança dos instintos primitivos; o amor é a presença divina no coração.
O ódio sempre destrói; enquanto que o amor sempre edifica.
O ódio é doença passageira; o amor é saúde permanente.
O ódio é o degrau inferior da escada da evolução; o amor é o vértice das mais altas ambições morais do ser.
Por isso, "Deus é amor", conforme assinalou João, com muita propriedade e sabedoria, sendo o amor o primeiro e o mais importante de todos os mandamentos e leis jamais conhecidos.
Amália D. Soler / Divaldo Franco
Livro: Rumo às Estrelas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Oração

Oração

Nossa Receita