quarta-feira, 9 de dezembro de 2015

Palavra e Jesus – Joanna de Ângelis

A palavra, colocada a serviço da saúde, exerce inimaginável terapêutica.
Utilizada de forma positiva, faculta o otimismo e cria aura renovadora de que se nutre o ser.
Em virtude do fenômeno de sintonia, a palavra edificante gera empatia e atrai fatores benéficos.
É instrumento da vida para vestir as ideias e exteriorizá-la.
Quando edificante, levanta o mundo, sustenta o pensamento e enriquece a vida com belezas.
Falando, Jesus estruturou nas mentes e corações os ideais da vida eterna.
Ouvindo-O, ninguém lograva esquecê-lO.
Com a palavra, alicerçou os ideais de enobrecimento humano que mudaram o curso da História.
Com energia ou doçura, em suave tranquilidade ou grave admoestação, o Seu verbo sempre esteve colocado a serviço do bem e da paz.
O que digas e como digas produzirá resultado, favorecendo ou infelicitando a quem te diriges e a ti mesmo responsabilizando.
Utiliza-te da palavra a fim de inspirares imagens felizes. Seja ela de vida, de vida abundante.
Joanna de Ângelis / Divaldo Franco
Livro: Alerta.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Oração

Oração

Nossa Receita