terça-feira, 9 de setembro de 2014

Preces do Coração – 47

          Senhor!
          Ensina-me a sorrir. Sem querer, deixo de emitir o sorriso, tranco-me, reservo-me. De outras vezes, sorriso seco, inexpressivo, fora de hora. O sorrir exige meu domínio interior, comunicação, amor. É um projetar e um desdobrar do espírito, que reclama a pureza e o prazer de servir. E é para alcançar essa pureza de alma que me ligo a Ti, neste momento, através dos fios do pensamento. Tu és o vibrar da vida, o ponto de chegada e a vitória, a sustentação da alegria e a paz. Acreditando assim, peço-Te a força que me proteja da tristeza, do desrespeito aos outros, que me faça olhar diretamente nos olhos deles, sentindo-os como irmãos, estimulando-os com um sorriso. Sorrindo para os outros, é para Ti que sorrio. Recebo, agradecido, as forças generosas que vêm de Ti e que me estimulam a sorrir. Obrigado! Obrigado!
          Livro: Preces do Coração.
          Lourival Lopes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Oração

Oração

Nossa Receita