segunda-feira, 15 de dezembro de 2014

CANTIGAS DO TEMPO - Chiquito de Morais


O tempo tudo transforma!...
Feliz quem pode viver
Seguindo a renovação
Fiel ao que deve ser.

Quem sabe o valor das horas
Serve, aprende e segue em paz;
Entre maldades e injurias,
Não as conhece, nem faz.

Todos aprendem na morte,
Cada qual por sua vez,
Que o tempo somente vale
Naquilo que a gente fez.

Tudo volta como voltam
Andorinha e primavera,
Menos o tempo perdido
Que nunca se recupera.

O tempo marcha veloz
Com esta nota a caminho:
Cada dia sem trabalho
É como um zero sozinho.

Livro: Ação, Vida e Luz.
Espíritos Diversos / Chico Xavier. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Oração

Oração

Nossa Receita