quarta-feira, 24 de dezembro de 2014

ROGATIVA DE NATAL – Emmanuel.

Senhor Jesus!
Quando chegastes à Terra, na manjedoura, as sombras dominavam o mundo inteiro.
Sombras no trabalho, em forma de escravidão; na justiça, na forma de crueldade; na governança, na forma de tirania; e na mente do povo, na forma de ignorância e miséria.
Pouco a pouco, ao clarão de tua infinita bondade, quebraram-se as algemas da escravidão, transformou-se a crueldade em apreciáveis direitos humanos, transmudou-se o fanatismo em fé raciocinada, converteu-se a tirania em administração...
E, gradualmente, a ignorância e a miséria vão recebendo o socorro da escola e da solidariedade.
Entretanto, Senhor, ainda sobram trevas no amor, em forma de egoísmo! Egoísmo no lar e no afeto... Egoísmo na caridade, na devoção e na prestação de serviço.
Mestre, ensina-nos a amar como nos amaste, como reais irmãos, em buscar nos que amamos o reflexo de nós mesmos.     
Emmanuel / Chico Xavier
Livro: Antologia Mediúnica do Natal.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Oração

Oração

Nossa Receita