terça-feira, 18 de fevereiro de 2014

ENERGIA SOLAR - Miramez


O sol é uma fonte imensurável de vida, é um acúmulo energético do nosso sistema planetário, é a maior expressão física de Deus em favor dos espíritos que carecem dele.
A sua origem data de bilhões de anos que, para a eternidade, correspondem a frações de segundos. Ele é uma candeia divina sustentadora da vida na Terra.
Sem a presença dos raios solares, pereceriam a vegetação, os animais e os homens e, certamente, as águas se tornariam gelos petrificados e a atmosfera iria se modificando, por faltar o oxigénio; não haveria chuvas, enfim, fugiria a vida estuante, que ocorre pelas bênçãos desse foco de luz, que o amor de Deus criou, para que pudéssemos viver.
A energia solar se encontra em todas as divisões das mínimas coisas, desde o átomo até as grandes árvores, desde o animal até os homens, desde os oceanos até a totalidade da atmosfera.
Quando meditamos na grandeza do sol e no que ele significa para nós e para as coisas da Terra, a sensibilidade nos leva à analogia profunda e, por assim dizer, a uma humildade benéfica que se traduz em amor ao Criador. A profusão de energias positivas, oriundas do Sol, atenua o magnetismo exudado do ambiente da Terra e desintegra grande parte de ondas mentais que, por invigilância, deu-se oportunidade de formar.
A luz é realmente benfeitora em todas as circunstâncias. Ela é como câmara fotográfica de alta sensibilidade, plasmando tudo o que clareia e viajando para o cosmo infinito com todo o arquivo daquilo que presenciou. Os fotônios da luz do Astro-Rei viajam em todas as direções com a velocidade que lhes é peculiar. Eis aí a pressa de fazer o bem, onde quer que seja. Cada filete luminoso é uma mensagem de esperança ou diminuta partícula do amor universal de Deus para estabelecer a paz e a alegria.
Procurai, na hora das vossas orações, visualizar um sol saindo no horizonte, banhando todo o vosso corpo, e infiltrando em vós energias novas, como, também, em quem desejardes que seja beneficiado pelas vossas rogativas.
A auto-sugestão, para que isso se torne uma realidade, é muito interessante, porque isso é fé, é esperança, são idéias positivas de valores incontestáveis. Se não presenciastes ainda um nascer do sol, em dias límpidos, fazei o favor de assistir ao maior espetáculo da Terra. E conversai com essa luz que vos olha, que vos entende, que vos beneficia. O sol é como um olho de Deus em favor da existência no planeta. Quando estais comendo uma fruta, sabeis quanto tem nela de sol? Quando estais bebendo um copo de água, já pensastes o quanto de energia solar ali está para vos beneficiar? Quando estais respirando, a gama solar está penetrando em vós. Ele ainda é pai e mãe dos planetas que nos cercam.
Qualquer um de nós pode ser um sol na vida de muitas pessoas. Depende de desentulharmos a mente, quebrarmos a casca que nos envolve, de egoísmo e presunção, de maldade e de orgulho, reconhecendo o Soberano Arquiteto do Universo como a fonte de vida universal. E passaremos a participar, positivamente, de todos os elementos da Terra, infiltrando energias superiores em todos os corações.
O Sol, como centro energético de todo o nosso sistema, recebe, diretamente, fluidos imponderáveis de alta potencialidade espiritual das mãos luminosas dos engenheiros siderais junto ao Cristo. E como reator cósmico distribui, a. nós outros, na cadência que lhe é própria. E a alma, quando se torna um Sol espiritual, sintoniza-se igualmente com grandes benfeitores do mundo maior, recebendo destes uma profusão de energias divinas,consubstanciando-as em fluidos eletromagnéticos, e redistribuindo-as para os sofredores, para todos os homens, animais e coisas que os cercam.
Já pensastes no valor da vossa disposição no bem? Antes de tomardes o vosso leito, para o devido descanso do corpo, limpai a vossa mente dos contrastes do mundo, colocai em vossos pensamentos a paz, nos vossos lábios um sorriso, e formulai uma pequena prece de agradecimento pela escola da Terra durante o dia. e ide para o alem, lutar em outra dimensão, tranquilo de terdes cumprido o vosso dever.
E no amanhecer, fazei o mesmo. Cantai por dentro, que alguém canta para vós por fora, e a vossa vida se tornará um sol para a vida.
Livro: Horizontes da Mente.
Miramez / João Nunes Maia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Oração

Oração

Nossa Receita