terça-feira, 18 de fevereiro de 2014

Tua Cabeça - Ayrtes


Meu irmão, podes observar que a sede do pensamento se localiza na cabeça; pensamos e sentimos o que estamos falando, daí é que notamos onde são geradas as nossas idéias, que se transformam em atos e que compõem a vida.
A tua cabeça é um gerador de intenções, que marca a tua existência na trajetória que escolheste para viver. E quem não compreende o efeito das más conversações? Quem não sabe escolher as coisas boas para si mesmo? Já nascemos sabendo escolher o bem ou o mal e para nós, damos preferência às melhores coisas; no entanto, esquecemos que o mal desejado aos outros passa por nós em primeira mão, com efeitos desastrosos, de acordo com o que nele imprimimos.
A tua cabeça é um arquivo, sendo os olhos, os pensamentos e a língua, os cuidados, com a tarefa de guardar todos os fatos que o celeiro da consciência sabe cuidar. A memória é uma máquina perfeita, capaz de reproduzir tudo de que os sentidos dão notícia e outros fatos que escapam aos mesmos. Tem cuidado ao usar os olhos, para que eles não transmitam fatos à consciência antes que a razão em Cristo selecione o ocorrido; tem cuidado com a boca, para que ela não sirva de falsos testemunhos, diante da sensibilidade da consciência; assim como as idéias, o raciocínio é disciplinador da vida; e o teu trabalho, é mais proveitoso quando a inteligência alcançou a educação nos moldes que a verdade estabeleceu, no educandário do coração.
A tua cabeça é a sede mais visível do Espírito; nela se apoia o teu mundo e se encontra o aparelho físico mais perfeito do mundo, sob o comando da vontade. Ajusta a tua prudência, exercitando todos os dias os teus valores - que bem sabes quais são - que o lucro será todo teu. Se desejas bons frutos, planta boas sementes; e se os desejas melhores, cuida delas com todo amor e carinho; quem amanha com cuidado tem grandes reservas. Deus é a abundância e Jesus é o operador permanente, que nos ensina a trabalhar com proveito, na seqüência que o amor nos inspira.
A palavra chave é Ajudar. Ajudar a tua cabeça a pensar com rendimento cristão; assim ocorrendo, serás feliz, com toda a tua família. Deves auxiliar a quem quer que seja, desde que o amparo comece em casa; a tua casa é o alicerce dos teus empreendimentos, cabendo a todos se integrarem nesta operação de socorro mútuo, para que se estabeleça a luz em cima da mesa e sejam todos clareados por ela.
A ajuda maior vem de Deus; no entanto, passa por nós, para a dinâmica necessária de uns para com os outros. O amor é um sol com dimensões infinitas; cabe a todos nós nos aquecermos nele e propagar suas irradiações, de modo a fazer com que os outros sintam que depois de Deus, amamos a todos com o mesmo empenho como se fosse a nós mesmos. Preparemo-nos para esse trabalho divino de promover o bem em todas as dimensões, assistindo a nós mesmos nas nossas necessidades de melhoria na educação e na disciplina, porque a criatura que segue os passos de Jesus jamais se desvia do caminho de Deus. Em seguida, acudamos todos os nossos irmãos em caminho, de modo que eles possam entender, assimilando com interesse, a reforma moral e a assistência espiritual que a nossa capacidade possa alcançar, para o nosso bem e o da nossa casa.
Livro: Tua Casa.
Ayrtes / João Nunes Maia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Oração

Oração

Nossa Receita